Em entrevista a Rádio Prima, Vanderlei Soares fala sobre seu mandato na Câmara

Vanderlei Soares - Entrevista, Rádio Prima - 16.05 (2)

18/05/2017 – Na terça-feira (16), o vereador Vanderlei Soares (PMDB) foi entrevistado na Rádio Prima. O bate-papo faz parte da série de entrevistas que estão sendo concedidas pelos parlamentares ao programa Show da Cidade, apresentado pelo jornalista Eduardo Rage. Em seu segundo mandato no Legislativo e atualmente ocupando o cargo de 1º secretário na Mesa Diretora, Vanderlei falou sobre assuntos diversos. Ouça aqui.

Os problemas das obras de duplicação da rodovia SP 101, alvo de constantes reclamações da comunidade, ocuparam grande parte da entrevista. Vanderlei lembrou que os problemas são antigos. “Desde o início, o que vimos foi muita dor de cabeça”, destacou o vereador, enumerando a ausência de pontos de ônibus, passarelas, iluminação, irregularidades na pista, ausência de placas indicativas dos bairros, dentre outros problemas.

Vanderlei lembrou que, em 2015, a Comissão Especial para Fiscalização e Acompanhamento das Obras de Duplicação da Rodovia, criada na Câmara, elaborou um dossiê sobre os problemas da SP 101, que foi entregue ao Ministério Público. De acordo com o vereador, que era presidente da Comissão, a partir de então algumas melhorias foram efetivadas. Entretanto, afirma, a maior parte dos problemas persiste.

“A concessionária sempre se amparou num contrato feito por ela com o Governo do Estado, ao qual não tivemos acesso nem oportunidade de discutir. Eles alegam que estavam cumprindo o contrato e as suas exigências mínimas”, ressaltou Vanderlei. O vereador também afirmou que prosseguem as reivindicações, por parte dos vereadores – tanto os que já atuavam na legislatura anterior, quanto dos novatos, que começaram o mandato em 2017.

O vereador Vanderlei Soares, sendo entrevistado pelo jornalista Rage, na Rádio Prima

O vereador Vanderlei Soares, sendo entrevistado pelo jornalista Rage, na Rádio Prima

Emendas parlamentares

Outro assunto relevante, abordado por Vanderlei, na entrevista, foram as emendas parlamentares obtidas pelo seu gabinete. Ele citou: as verbas obtidas com a deputada Ana Perugini (PT) – de R$40 mil, para a aquisição de uma perua para o asilo, e de R$500 mil, para recapeamento de ruas no centro – e os R$1,6 milhões, também obtidos com a deputada, através de pedido seu e de outros vereadores, visando o asfaltamento de ruas do Jd. Paviotti II.

Segundo Vanderlei, já nesta nova legislatura, seu gabinete obteve R$ 430 mil de emenda parlamentar do deputado Vicentinho (PT), visando construção de uma praça no bairro Jd. Nova Alvorada. “Era um sonho da população, ter uma área de lazer para famílias e crianças”. O vereador também destacou os R$ 500 mil obtidos com o parlamentar, para aquisição de dois micro-ônibus adaptados para o transporte de pacientes da área da saúde. A expectativa é que tais iniciativas se tornem realidade em breve.

Emprego e renda

Outra preocupação de Vanderlei, abordada na entrevista, foi a questão da geração de empregos no município. Para o vereador, os incentivos já existentes (como o abatimento dos gastos com infraestrutura no ISS, IPTU e ITBI) não estão sendo suficientes para a atração de empresas. Ele sugere que a prefeitura crie uma política específica, inclusive prevendo a doação de terrenos para as indústrias que se instalarem no município, tal qual acontece em outras cidades da região.

A questão da qualificação da mão-de-obra também foi destacada. O vereador lembrou que, através de parcerias com o Senai, foi possível trazer para o município um curso de condutor de empilhadeiras, que formou três turmas. Ainda com relação à geração de empregos, Vanderlei acredita no potencial do turismo rural no município, que segundo ele possui fazendas e sítios históricos que poderiam atrair pessoas e “movimentar a área financeira”.

Saúde e prevenção

Autor do projeto que criou a semana de prevenção e orientação contra o HPV, comemorada em outubro, Vanderlei destacou a importância da prevenção. E elogiou a carreta da mamografia, que realizou mais de mil exames no município. Para o parlamentar, esse foi um “grande avanço”. A vinda da carreta era uma reivindicação antiga de vereador, que levou o pedido até o deputado estadual Rodrigo Moraes (DEM). Ele também agradeceu o apoio do Executivo, e as secretarias de Assistência Social, Saúde e Obras.

Outros assuntos

Questões gerais, como a moção que pede ao governo do Estado que reveja as mudanças no Programa Nota Fiscal Paulista, também foram abordadas. Para Vanderlei, a obrigatoriedade do uso de aplicativo para envio das notas fiscais a serem doadas às entidades beneficentes – e a proibição do uso das caixinhas de depósito – culminará com a diminuição da arrecadação das doações. Várias Câmaras da região, inclusive a de Monte Mor, já enviaram moção de apelo ao Governo do Estado e à Assembleia Legislativa, pedindo a revogação das mudanças.

No cenário nacional, Vanderlei afirmou que é favorável a divulgação da corrupção, na mídia, e a punição dos culpados investigados na Operação Lava Jato – “prenda quem tem que prender”, disse. O vereador também disse que é favorável a reforma da Previdência, mas não da forma como ela está sendo feita, “sem uma discussão com a sociedade”.

Ouça a íntegra da entrevista:

 

Galeria de imagens:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *